Informação
Notícias
            Informação             Notícias             Mensagem de Dom Claudio para o Domingo de Ramos e da Paixão
24/03/2018 Dom Claudio Nori Sturm Dom Claudio Mensagem de Dom Claudio para o Domingo de Ramos e da Paixão
A+ a-
""Ao assumir a condição de servo, ele nos mostrou o Reino do serviço. É esse rei que hoje quer entrar na "Jerusalém" de nossa vida para transformá-la. Ao tornar-se semelhante a nós, ele concedeu-nos a graça de também nos tornarmos semelhantes a ele, dando-nos participar da sua divindade!""

Entramos hoje na Semana Santa. Entrar na semana santa significa entrar em Jerusalém com Jesus, acompanhar seus passos em sua Paixão e morte cruel, para chegar à glória da ressurreição.

Na entrada triunfal de Jesus em Jerusalém há um contraste: Jesus sendo aclamado como rei e sua maneira humilde e despojada de se apresentar montado num jumentinho. Mostra com esse gesto e tantos outros, que não é um rei segundo as concepções do mundo, mas um rei diferente. Mostra que seu reinado é outro. Um reino de serviço, um reino de humildade, um rei próximo do povo, com o povo e para o povo, muito diferente do que se tinha até então.

A humildade de Jesus revelada no primeiro evangelho se confirma na primeira e na segunda leitura. A primeira leitura, do livro do profeta Isaías traz um relato da missão de Jesus e diz respeito a todos os seus discípulos. Deus o capacita e nos capacita para falar e viver como discípulos, ajudando os desanimados a se animar na vida e na missão. A segunda leitura, da carta aos Filipenses, reforça essa humildade do rei que entra em Jerusalém. Mostra que, mesmo ele tendo a condição divina, não se apegou à sua igualdade com Deus. Jesus tinha tudo para ser diferente e distante, mas preferiu ser simples, humilde, próximo das pessoas. Mostrou com maestria que se aproximar do povo não o distanciava de Deus. Ao esvaziar-se de si mesmo, ele não perdeu sua essência divina, mas abriu espaço na sua vida e no seu ser para acolher o humano, sobretudo os que sofrem; os pequenos, os preferidos de Deus. Ao assumir a condição de servo, ele nos mostrou o Reino do serviço. É esse rei que hoje quer entrar na "Jerusalém" de nossa vida para transformá-la. Ao tornar-se semelhante a nós, ele concedeu-nos a graça de também nos tornarmos semelhantes a ele, dando-nos participar da sua divindade!

Desejo a todos uma semana santa e abençoada! Caminhemos com Jesus para a Páscoa da Feliz Ressurreição!

+Dom Claudio Nori Sturm

Atualizado em: 24/03/2018 às 10:48
Nome:
E-mail:
Nome do amigo:
E-mail do amigo:
Últimas Notícias
 Veja mais notícias
                  
Receba as notícias e artigos da Diocese de Patos de Minas. Cadastre seu e-mail...